terça-feira, 20 de agosto de 2013

"OS QUATRO TEMPERAMENTOS HUMANOS"

 Todos nós, herdamos um temperamento dos nossos pais. Ele é a combinação de características congênitas que consciente ou inconsciente, afetam nosso procedimento. Estas características do temperamento, podem e devem ser controlados, mas também pode durar algum tempo ou até uma vida inteira. Tudo depende da intensidade de como lidamos com o nosso temperamento.
TIPOS DE TEMPERAMENTOS
1. SANGUÍNEO
É sempre cordial, eufórico e vigoroso. Receptivo por natureza, toma suas decisões pelos sentimentos e não através dos pensamentos ponderados.
Pela natureza apaixonada e envolvida que possui, contagia um ambiente repleto de pessoas pela sua presença. Por não gostar de solidão e Ter grande convívio social, o sangüíneo sempre tem amigos. E são alvo de inveja de pessoas de temperamentos mais tímidos.
São bons vendedores, funcionários de locais de atendimento ao público, professores,conferencistas, atores, operadores, pregadores e ocasionalmente bons chefes.
Partes positivas e negativas do sangüíneo
Partes positivas:
  • Comunicativo
  • Destacado
  • Entusiasta
  • Afável
  • Simpático
  • Companheiro
  • Compreensível
  • Crédulo Partes negativas:
  • volúvel
  • indisciplinado
  • impulsivo
  • barulhento
  • inseguro
  • egocêntrico
  • exagerado
  • medroso
Fraqueza e problemas causados pelo sangüíneo
fraquezas: tomar atitudes baseadas em seus sentimentos, ser impaciente, Ter vontade fraca e dificuldade para terminar o que começa. Problemas causados: É uma pessoa precipitada, se distrai com facilidade, desperdiça tempo e conversa, irrita-se facilmente, instabilidade financeira e profissional, não é persistente.
2. COLÉRICO
É ardente, vivaz, ativo, prático e voluntarioso. Por ser decidido e teimoso, torna-se auto suficiente e muito independente. Por ser ativo, estimula os que estão ao seu redor, não cede sobre pressões. Possui uma firmeza no que faz, o que o faz freqüentemente obter sucesso.
Não é dado as emoções, por ser pouco analista, não vê as armadilhas na sua trajetória.
Muitos líderes mundiais e grandes generais foram coléricos. São sempre bons gerentes,planejadores, produtores ou ditadores.
Partes positivas e negativas do colérico
Partes positivas:
  • energético
  • resoluto
  • independente
  • otimista
  • prático
  • eficiente
  • decidido
  • líder
  • audacioso Partes negativas:
  • intolerante
  • vaidoso
  • auto-suficiente
  • insensível
Fraquezas e problemas causados pelo colérico
Fraquezas: É impaciente, não tem compaixão, é inflexível, impetuoso, incontrolável.Problemas causados: Torna-se exigente com os seus, é uma pessoa de muitos argumentos,impiedoso nas decisões, ausência de bondade, cria padrões difíceis de serem alcançados,utiliza-se das situações.
3. MELANCÓLICO
É analítico, abnegado, bem dotado e perfeccionista. Isto o faz admirar as belas artes. É introvertido por natureza. Mas as vezes é levado por seu ânimo a ser extrovertido. Outras vezes enclausura-se como caramujo, chegando a ser hostil. É amigo fiel, mas não faz amigo facilmente, por ser desconfiado. Tem habilidade de analisar os perigos que o envolve. Força-se a sofrer e sempre escolhe uma vocação difícil, que envolva grande sacrifício pessoal.Muitos dos grandes gênios do mundo, artistas, músicos, inventores, filósofos, educadores e teóricos, eram melancólicos. Podemos ver estas características em personagens bíblicos de projeção como, Moisés, Elias, Salomão, o apóstolo João e muitos outros.
Partes positivas e negativas do melancólico
Partes positivas:
  • habilidoso
  • minucioso
  • sensível
  • perfeccionista
  • esteta
  • idealista
  • leal
  • dedicado Partes negativas:
  • egoísta
  • Amuado
  • Pessimista
  • teórico
  • confuso
  • anti social
  • crítico
  • vingativo
  • inflexível
fraquezas e problemas causados pelo melancólico
fraquezas: é uma pessoa crítica, voluntariosa em excesso.
Problemas causados: espera muito das pessoas, em troca do que faz. Intromete onde não deve, gasta tempo com o que não deve, atrapalhando seu serviço, tem aversão as pessoas que tem ponto de vista diferente, entra em atrito com as pessoas que se opõe ao seu caminhar.
4. FLEUMÁTICO
É calmo, frio e bem equilibrado, raramente explode em riso ou raiva, mantendo sempre suas emoções sobre controle. É o único tipo de temperamento coerente, mas tem muito mais emoção do que demonstra. Por gostar do convívio social, não lhe faltam amigos, mas sempre encontra algo de engraçado nos outros. É simpático e tem bom coração. Não se envolve nas atividades alheias, sendo muito capaz e eficiente. É conciliador e pacificador. São bons diplomatas, administradores, professores e técnicos.
Partes positivas e negativas do fleumático
Partes positivas:
  • Calmo
  • cumpridor
  • eficiente
  • conservador
  • prático
  • líder
  • diplomata
  • bem humorado Partes negativas:
  • calculista
  • Temeroso
  • indeciso
  • contemplativo
  • desconfiado
  • pretensioso
  • introvertido
  • desmotivado
fraquezas e problemas causados pelo fleumático
fraquezas: ser indiferente ao que o cerca, indolência, sabe como provocar os outros.
Problemas causados: magoa as pessoas através das suas piadas, não se esforça para realizar suas tarefas em ritmo satisfatório.
NOTA: antes de querermos enquadrar qualquer pessoa neste ou aquele temperamento,devemos inclinarmos para uma auto-avaliação. Estes temperamentos estão expostos diante de nós para ajudar, primeiro, nosso auto conhecimento, depois então usaremos para avaliação dos temperamentos alheios.
COMO OBTER VITÓRIA SOBRE NOSSO TEMPERAMENTO
Primeiro passo: estudar todos os temperamentos, e ver em qual deles nos encaixamos, ou seja, nunca poderemos vencer o efeito sem combater a causa. Precisamos diagnosticar o nosso temperamento, listando as partes negativas para anularmos as fraquezas e problemas causados. Se tiver uma pessoa de confiança poderá compartilhar para solicitar ajuda.
Segundo passo: orar e vigiar. Você deve orar não apenas apresentando sua fraquezas a Deus,mas após a confissão deverá apropriar-se das promessas de Deus com relação ao seu problema.
A vigilância é fator preponderante na batalha do equilíbrio do nosso temperamento. Na verdade oração sem vigilância é o mesmo que um prédio sem alicerces. Você poderá construir um “prédio de orações”, mas se não vigiar tudo acabará em nada.
Terceiro passo: ser cheio do espírito Santo. O imperativo bíblico é: “enchei-vos do Espírito Santo” Ef.5:18. Este enchimento contínuo resultará no “andar no Espírito”, e por fim a vitória sobre nosso temperamento.
Quarto passo: meditar na palavra de Deus. O caminho para o sucesso na vida do líder cristão,como foi para Josué, é: “não se aparte da tua boca, o livro desta lei, antes medita nele dia e noite... porque farás prosperar o teu caminho, e então prudentemente te conduzirás” Js. 1:08. Quando meditamos na palavra de Deus, somos conduzidos por ela, e não pelo nosso temperamento desajustado. Quinto passo: praticar a palavra. Após Ter absolvido a palavra através da meditação, procurar aplicar os versículos ou capítulos que leu, na prática. O maior desafio do líder cristão talvez seja em tornar mais do que mero ouvinte, sobre tudo praticante da palavra de Deus Tg. 1:2223.

Um comentário:

  1. Vede quão grande amor nos tem concedido o Pai, que fôssemos chamados filhos de Deus. Por isso o mundo não nos conhece; porque não o conhece a ele. 1 João 3:1

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário... Deus te abençoe! Compartilhe este blog e dê sugestões de publicações. Abraço!

Marcelo Donisete